fbpx

Gestão por Competência

Um dos pontos em comum entre as empresas bem-sucedidas é que elas acreditam na importância do capital intelectual para se manterem competitivas no mercado. Por este motivo, elas investem no conceito de gestão por competências para encontrar os colaboradores certos e torná-los a escolha perfeita para os diferentes cargos de suas empresas.

As competências técnicas e comportamentais CHA se referem aos “conhecimentos, habilidades e atitudes” necessárias para o exercício de funções específicas, de modo que é possível identificar os perfis mais adequados para que estes se tornem uma vantagem competitiva da empresa em seus negócios.

Muitas vezes os profissionais não chegam nas empresas com o conjunto de competências necessárias para exercer seu cargo e gerar essa vantagem competitiva. Por essa razão, as organizações estão cada vez mais preocupadas em promover treinamentos e capacitar seus colaboradores no desenvolvimento de competências necessárias para o desempenho de suas funções. As organizações costumam valorizar aspectos diferentes, e por isso precisam apostar no desenvolvimento de competências que combinem com o seu negócio.

Essas competências técnicas e comportamentais podem ser divididas em três alicerces:

1. Conhecimento: conceitos e princípios teóricos.

2. Habilidade: aptidão de colocar em prática os conhecimentos acumulados.

3. Atitude: soma de comportamentos (valores, emoções e sentimentos) de cada indivíduo.

Os conhecimentos e as habilidades são parte das competências técnicas, enquanto as atitudes estão incluídas dentro das chamadas competências comportamentais. Esses dois conjuntos formam parte das competências organizacionais. Confira a seguir mais detalhes sobre cada uma dessas competências.

Tipos de Competências

1. Competências organizacionais

São atitudes, habilidades e conhecimentos que tornam uma empresa única em seu mercado de atuação. Elas podem ser divididas em competências essenciais e competências básicas.

– Competências essenciais: aptidões que contribuem ativamente para uma vantagem competitiva da companhia.

– Competências básicas: aptidões necessárias para que uma corporação permaneça em atividade.

2. Competências técnicas

Podem ser descritas como os conhecimentos e aptidões que um profissional adquire por meio de sua educação, o que inclui cursos, treinamentos, palestras, oficinas, e outros. Em outras palavras, são as práticas básicas para que um funcionário possa exercer o seu cargo de forma bem-sucedida.

3. Competências comportamentais

São comportamentos e atitudes dos profissionais que contribuem para a realização do trabalho, como motivação, boa aptidão para o trabalho em equipe, espírito de liderança, criatividade, equilíbrio emocional, empatia e ética, entre outros.

Para manter esses tipos de competências dentro de uma organização é necessário identificá-las e gerenciá-las, necessidade a partir da qual surgiu a chamada Gestão por Competência.

Para que serve a Gestão por Competência?

Trata-se de uma área que se insere no campo da gestão de pessoas, encarregada de gerenciar e desenvolver competências técnicas e comportamentais CHA dentro do ambiente corporativo. Seu objetivo é estimular os profissionais a desenvolverem suas capacidades, pois acredita que este é um aspecto fundamental para alcançar os objetivos estratégicos da empresa.

Seus principais objetivos são:

• Redução de turnover: em um cenário em que os profissionais possuem o conjunto de competências necessárias para a realização de seus cargos, a consequência lógica é que eles sejam mais valorizados e recompensados. Isso aumenta a probabilidade do profissional permanecer por mais tempo na empresa, o que reduz o turnover.
• Aumento da produtividade: tornar a execução das tarefas mais intuitivas, garantindo que os funcionários tenham os conhecimentos necessários para realizar suas atividades em menos tempo, com o consequente aumento da produtividade.
• Superação de metas: ao investir no capital intelectual de seus colaboradores, as companhias alcançam mais rapidamente seus objetivos estratégicos, o que permite superar metas.

O que é o Mapeamento de Competências?

O chamado “Mapeamento de Competências” é o processo de identificação de todas as competências organizacionais que a companhia necessita desenvolver, com o intuito de atingir os objetivos estratégicos traçados pela empresa.

Avaliação de Desempenho por Competências

Para garantir uma boa gestão, as empresas promovem a avaliação de desempenho por competências, isto é, uma análise contínua do desempenho de seus colaboradores. Desta forma, é possível medir a colaboração de cada funcionário e determinar seu grau de desempenho nas competências consideradas essenciais